Para provar que “estão acima da morte”, pastor faz fieis beberem veneno de rato

0
547
pastor Light Monyeki

O caso que vem chocando o mundo aconteceu na África do Sul, durante um culto administrado pelo pastor Light Monyeki, responsável pelo Grace Living Hope Ministries, alegou que eles precisava provar a sua fé demonstrando que estão acima da morte e ofereceu garrafadas com veneno de rato dissolvido em água para seus fies.

“O homem de Deus, profeta Light Monyeki, demonstra o poder da fé fazendo com que os congregantes tomem Rattex, uma poção mortal para mostrar o poder da fé”, diz o post no Facebook onde estão as fotos do culto.

Daily Mail: Pregador faz fieis pastarem e comerem grama como vacas para ficarem mais perto de Deus

Igreja Universal pede dinheiro a fieis para comprar ingressos e forjar lotação de cinemas de “Os Dez Mandamentos”, diz site

Igreja criada para cultuar a maconha é reconhecida pelo Estado e tem isenção fiscal

Ainda, segundo o pastor, com a fé, a poção se torna um poderoso curativo para todas os males. O produto contém Nyaope, um droga que se espalhou pela África do Sul, e que é feito com heroína, veneno de rato e detergentes.

Durante a pregação, o pastor toma um gole do líquido na frente de todos da igreja. Em seguida, uma multidão corre para perto do religioso e também ingerem a substância.

Com o passar dos minutos, os membros da igreja começaram a reclamar de fortes dores no estômago, e logo após algumas horas, 5 estavam mortos e 13 foram levados ao hospital.

Monyeki nega acusação de responsabilidade e se defendeu: “muito de qualquer coisa boa poderia ser ruim”.

Fonte: Metropoles e O Popular.

 

VEJA TAMBÉM:

Depois de constar perda do patrimônio, Governador do Rio vai receber R$ 30 mil de restituição do imposto de renda

Artistas da Globo se manifestam contra Reforma Trabalhista

Presos querem bonecas infláveis pra “liberar testosterona” e ficarem “mais calmos”.

Mais de 400 índios venezuelanos migraram para o Brasil e disseminaram doenças. Manaus decreta Estado de Emergência

Lula ameaça Moro e a Lava Jato: “Se eles não me prenderem, eu mando prendê-los”

 

 

 

 

 

 

 

Deixe seu comentário!